Covid-19

Agência de publicidade e propaganda inova com serviços na área comercial

Mentoria com integração de ferramentas para negociação e treinamento para equipe de vendas estão entre as novas atividades

“A hora de você criar uma vantagem competitiva de você entrar, crescer e ganhar mercado é agora, independente do negócio que você atua, do que você vende, você precisa estar na internet”. Mesmo neste momento de dificuldade, onde foi preciso repensar processos e estratégias de trabalho, Tiago Ribeiro, sócio e CEO da agência de publicidade e propaganda Carandá Propaganda, de Cuiabá, se mantém positivo com o seu negócio e disposto a colaborar com os seus clientes para superar as adversidades que a pandemia da Covid-19 vem causando.

Ribeiro conta que logo quando o Novo Coronavírus atingiu à Itália ele tinha a certeza de que o vírus chegaria ao Brasil também. “Mato Grosso tem um relacionamento muito forte com o mercado externo. Somos produtores de commodities e a Ásia é quem movimenta a nossa economia”, ressalta. Ter esse entendimento e o poder de analise sobre questões econômicas do Estado fizeram com que a agência de publicidade e propaganda já estivesse preparada assim que ocorreu o primeiro caso da Covid-19, em Cuiabá.

“Conversamos com o corresponsável pelo nosso TI e reforçamos a nossa infraestrutura para trabalho remoto”, explica o CEO da Carandá Propaganda. Ribeiro ainda destaca que o trabalho no formato home office não era uma novidade para ele e para Mariana Ribeiro, sócia e Diretora Executiva da agência, pois foi assim que eles começaram em 2009. “Sabíamos das dificuldades de pessoas interrompendo e isso poderia ser um problema. Nós alertamos a nossa equipe, organizamos as ferramentas de reunião virtual e aí nós começamos o trabalho de maneira remota com as regras claras e tudo definido”, relata Ribeiro.

Novo serviço

Com clientes pelo interior de Mato Grosso, a Carandá Propaganda já tinha o hábito de realizar reuniões virtuais. “O que nós começamos a fazer foi intensificar esses encontros e aí surgiu uma coisa bem legal: nós começamos a ensinar os nossos clientes como vender por meio destas ferramentas. Assim, desenvolvemos um novo serviço que é ensinar a utilizar ferramentas de vendas e de reuniões online. Foi nesse momento que a nossa agência começou a crescer. Contratamos mais pessoas e aumentamos a nossa equipe”, destaca Tiago.

Por meio desse novo serviço, a agência passou a ter um relacionamento maior com o setor comercial dos seus clientes, com o objetivo de aumentar os resultados e geração de negócios. “Estamos atuando com mentoria comercial, para o time de vendas, com integração de ferramentas para negociação e treinando essas pessoas para saberem vender para quem chega via internet, pelo Whatsapp, Facebook e por ligação”, relata o CEO da agência de publicidade e propaganda.

Hoje, a Carandá Propaganda é formada por 16 pessoas: dois sócios e 14 funcionários. E nesse período de pandemia a empresa teve apenas uma quebra de contrato. “A agência aumentou cerca de 10% a 15% o volume de novos negócios. Perdemos um contrato muito antigo, ele não precisava ter cancelado, mas o cliente se assustou com toda essa situação”, fala Ribeiro.

Ele ainda evidencia que os clientes que permaneceram, com os serviços da agência de publicidade e propaganda, tiveram um crescimento no faturamento, principalmente, aqueles dos setores do agronegócio, imobiliário e saúde.

Bem informado

Ao mesmo tempo, Tiago conta que, do seu ponto de vista, as empresas como um todo começaram a entrar em pânico com os acontecimentos e com os relatos sobre a pandemia da Covid-19. E percebendo isso, a agência de publicidade e propaganda preparou uma série de lives exclusivas para os seus clientes, com o objetivo de abrir os olhos dos empresários.

“Nossa responsabilidade como empresário agora é não se encolher, é ter uma postura agressiva de crescimento, de olhar com mais atenção para a gestão do nosso negócio, para a gente conseguir aproveitar as nossas oportunidades, que vão surgir durante a crise e para isso a gente não pode se apavorar”, explica Tiago.

Foram feitas lives com importantes especialistas do estado: uma sobre questões econômicas e como elas afetam Mato Grosso, com o economista Vivaldo Lopes; e outra sobre a mudança de comportamento nas relações e consumo, nas relações familiares e nas relações entre empregado e empregador, com o jornalista Onofre Ribeiro. 

Tiago fala que essas ações ajudaram muito com que os clientes da Carandá Propaganda ficassem mais tranquilos e que fortalecesse ainda mais a relação de confiança. “Com acesso a informações relevantes, com fontes sérias e respeitadas, isso trouxe para nós uma credibilidade muito grande nesse momento”. 

Transformação digital 

A pandemia da Covid-19 acelerou o processo de digitalização de muitos negócios e fez com que as empresas se dessem conta da importância de estar presente nos meios digitais. Sobre isso, Ribeiro fala que muitas pessoas estão descobrindo hoje como comprar roupa sem sair de casa e outras coisas que só compravam presencialmente. “Estamos tendo uma entrada absurda de novos consumidores na internet, as pessoas estão descobrindo esse mundo”. 

De acordo com ele, essa é a última oportunidade de embarcar na primeira classe da internet. “Esse momento é sem volta. Então, logo, logo estar na internet será tipo uma commodity, a briga por espaço vai ser muito apertada. Talvez, as vendas mais complexas não aconteçam ali, mas será necessário expor a marcar e até produtos que gerem mercado”, finaliza o CEO da Carandá Propaganda.