Depoimentos

Agora é hora de ser obstinado e repensar a empresa

"Reavaliar seus orçamentos, seu plano estratégico anual. É hora de sentar e repensar, sem pessimismo, como fazer o mesmo de outra forma"

Thiago Cuellar, diretor-sócio da Set 9, empreendimento do segmento do odontológico, que administra três empresas – Instituto Matogrossense de Odontologia (IMO), Kalon (prótese digital) e Tomo X – diz que a pandemia do novo coronavírus está gerando atitudes inéditas e eficientes. A empresa com 12 anos de mercado, foi criada por Thiago, Francisco Mantovani, Guilherme Tonin e João Fernando Lanzoni, amigos que depois de se formarem em odontologia na USP de Ribeirao Preto(SP) resolveram empreender e se estabelecer em MT. Eles são apoiados pelo Sebrae MT, desde o início, e já participaram de vários programas e projetos, recebem consultorias, etc No momento, estão estruturando as empresas para serem franqueadas. Veja a mensagem dele para empresários:

“ Agora é hora de empresário ser obstinado pela redução de custos, reavaliar seus orçamentos, seu plano estratégico anual. É hora de sentar e repensar, sem pessimismo, como fazer o mesmo de outra forma. Rever seus processos, onde enxugar, onde melhorar e avançar, pois às vezes estava parado na zona de conforto. Eventos podem ser adiados, porque são onerosos. Pense em novos contratos com atenção. Pense a longo prazo, nem pessimista nem otimista. Pense nos salários dos sócios, renegocie com fornecedores os pagamentos e prazos de entrega. Renegocie as compras.

Temos 50 funcionários e impactamos cerca de 500 pessoas, entre prestadores de serviços e terceirizados. Motive seus trabalhadores, dividindo as reponsabilidades. Eles podem dar mais e você terá grandes surpresas. Nossos clientes são clínicas odontológicas, radiológicas e laboratórios de prótese digital. Prestamos serviços para dentistas de MT.

É muito importante se aproximar do banco, converse com seu gerente. Empresa precisa de dinheiro, não tem nada de errado. Empresários precisam dos bancos.

Não sei se é bom contratar neste momento, mas também demitir não vai salvar o mundo e a empresa. Agora é hora de ser solidário e ver quem pode trabalhar em home office.  Dá certo e você pode se surpreender. Todos os dias temos reunião on line das 7 às 9h. Cada empresa tem 15 minutos para compartilhar informações e decisões. As ferramentas digitais ajudam muito.

Eu sinto que o olhar das pessoas está mais humanizado. Existe uma corrente do bem se formando. A gente quer democratizar tudo o que a gente aprende. O Sebrae mudou a nossa vida para jogar um jogo mais consciente do empreendedorismo. O capitalismo vai se remodelar”.